Latinhas do Bob
  

Cristalina (Brasil, 350ml), Roller Cola (Brasil, 350ml),

Poty (Brasil, 350ml) e Xereta Kola Limão (Brasil, 350ml)

Uma busca no Google já dá idéia do tamanho da coisa: contei mais de 100 fábricas de refrigerante com sites espalhadas pelo País. Boa parte está no Estado de São Paulo, caso dessas latinhas aí de cima. Parece que, em cada cidade de médio porte, tem uma produção de refrigerante. Enquanto pesquisava as fábricas, pensei seriamente em sair pelo Estado afora visitando essas fábricas, para depois fazer um livro contando a história de cada refrigerante. Há casos bons, como o do Guaraná Joaninha (leia mais embaixo), que realmente merecem ser contados; boa parte das fábricas começou como negócio de família e, se não crescerem nem forem vendidas a uma das grandes, corre o risco de desaparecer sem deixar lá grandes registros. Acho pouco provável, porém, que alguém se habilite a bancar uma iniciativa dessas.

Já provei uns 20 desses refrigerantes "caipiras", e cheguei a algumas constatações: as Coca-colas têm gosto de Coca-cola original com farinha ou maizena. Os Guaranás, por outro lado, são muito bons, alguns puxando gosto de tubaína.A Cristalina e a Kola Limão, apesar de serem do Interior, achei aqui em São Paulo mesmo: a primeira, nas andanças pela Liberdade. A segunda, numa máquina dos Refrigerantes Xereta no Metrô (isso sim é uma coisa rara). As outras duas comprei no Interior, em um mercado de rede. Mas acho que não vou mais dar as caras por lá. Outro dia cobraram a mais do meu sogro e não quiseram devolver o dinheiro. Por conta disso, resolvi adotar um boicote à rede. Espero que eles não tenham adquirido nenhuma latinha exclusiva hehehehe

Cotação: de um a cinco, acho que, chutando, umas 208 fábricas nas 645 cidades do Estado.



Escrito por Bob às 12h22
[] [envie esta mensagem]


 
  

Montilla (Brasil, 350ml) e Merino (Brasil, 350ml)

A Cuba Libre era a bebida mais forte servida aos jovens debutantes nos bailinhos de outrora (e ainda assim com 90% de cola e uns 10% de rum, e olhe lá). Hoje, com os "vinhozinhos" em garrafa de plástico bolinha vendidos a R$ 2 pertinho da escola, e destilados com nomes que sempre acabam em "inho" ou "inha", uma cuba libre não serve nem para tapar o buraco do dente. Mesmo assim, duas empresas resolveram lançar a bebida em lata nos últimos tempos.

Achei o rum Montilla depois de ler sobre o lançamento no jornal. Fui até uma loja de bebidas em Pinheiros e comprei. Nesse dia, estava particularmente arrumado, com brmuda, camiseta de time de futebol, barba por fazer há uma semana e ainda não tinha tomado banho, logo estava com aquela cara de sono. Recuperada do susto, a atendente chique me indicou onde estava a latinha. Acabei levando junto uma de Orloff Ice que também estava à venda. 

Tirando o lugar comum (rum, pirata, papagaio, sacou?), comecei a olhar a lata atentamente. De imediato - e sem ter ingerido o conteúdo da lata -, me vieram perguntas estapafúrdias à mente. Quem é esse pirata? Por que está usando as roupas "jobi-jobá" dos Gipsy Kings? Como conseguiu depilar o peito em alto-mar? Por que ele está rindo? Está feliz por ter escondido/achado um tesouro (com certeza não seria um baú cheio de rum Montilla)? Onde ele está apoiando o braço? Estaria escondendo uma perna de pau embaixo do logotipo? E como o papagaio no ombro dele abre as asas sem dar uma porrada no meio da orelha do dono? E o mais intrigante: como podem ter existido piratas em Leme, onde a bebida é fabricada, que fica a centenas de quilômetros do mar? Antes de ser atropelado por ler e tentar atravessar a Rebouças, decidi esperar para ver à noite.

O gosto é mesmo de Cuba Libre, um pouquinho mais forte que a média das cervejas. É bom porque é mais doce, mas nada especial. O mesmo se aplica à Merino, que ganhei do colega Marc (aquele que não gosta de cerveja). Parece rara aqui em terras paulistanas, só vi em um posto de gasolina na 23 de Maio outro dia. Não me animei a comprar outra.

Cotação: "Vão andar na prancha! Vão andar na prancha!", gritou o papagaio do capitão.



Escrito por Bob às 01h10
[] [envie esta mensagem]


 
  

Stella Artois (Bélgica, 330ml)

Em um furo de reportagem (baseado em um release - heheheh), este blog soube que a Ambev deve começar, semana que vem, a colocar no mercado a garrafa-latinha da Stella Artois aqui no Brasil. Mal posso esperar para comprar a minha a minha. Essa foto aí de cima é o provável modelo da latinha, que também já foi produzido na cor verde. Acho que com vermelho fica melhor, a primeira impressão que tive foi de que é o Ultraman das cervejas. Agora é cruzar os dedos e se preparar para correr.



Escrito por Bob às 01h49
[] [envie esta mensagem]


 
  

Mayabe (Cuba, 350ml) e Lagarto (Cuba, 330ml)

Se uma cerveja que se preze deve ter o "sabor" do país de origem, Cuba está bem ferrada com esta aqui. Sem exageros, mas deve ser uma das bebidas mais fedidas que eu já cheirei - junto com a Kaiser e aquele suco de vegetais, o V8. Ganhei a latinha do chapa Arthur (vulgo Barba), que passou uns dias lá na ilha do Fidel. Levei para casa e gelei, pondo fé no potencial da cerveja cubana. Afinal, só tinha provado uma cerveja cubana há uns bons 14 anos. Chamada Lagarto,  não me lembro do gosto. Essa aqui poderia se chamar, seguindo a linha zoológica, de "Gambá". Quando abri a latinha, veio a decepção: um mega cheiro de sovaco, bem no estilo pizza, ou busão lotado às 6 da tarde.

Apesar do ultraje olfativo, segui em frente - afinal, quem já tomou cerveja vencida há 10 anos não pode ficar fazendo frescuras só por causa de uma cervejinha que cheira a gorgonzola com cheetos que, ainda por cima, está dentro do prazo de validade. Apostei que, em alguns segundos, o nariz ia se acostumar. Deveria ter buscado um pregador: o buquê persiste até o fim da lata. E tomar cerveja prendendo a respiração não tem a mesma graça (a não ser para os outros, quando você engasga e joga um líquido gasoso pelas narinas afora).

A cerveja, coitada, não era tão ruim. Mas com o cheiro, não rolou. Algo como chegar na hora "H" e descobrir (para as mulheres) que o parceiro veste uma elegante cueca de elefantinho, com direito a orelhas e tromba anatomicamente representada ou (para homens) ver uma calcinha da Hello Kitty, aquele pobre gatinho vitimado por hidrocefalia.  

Cotação: de um a cinco, dois discursos e meio do Fidel para trombar com outra cerva cubana menos fedorenta. Melhor perder a audição do que o olfato e o paladar. Paredón nessa cerveza!!!

PS: o que é esse lagarto com chapéu de palha, lenço no pescoço e maracas nas patas da latinha da Lagarto? Parece uma mistura de Ligeirinho (pelas roupas) com aqueles sapos, o Pancho e o Toro, que corriam atrás da minhoquinha. Espero que seja alguma coisa típica do país, porque tem muita cara de um "Zé Carioca", ou um local desenhado por quem certamente não é "local" de Cuba.



Escrito por Bob às 11h43
[] [envie esta mensagem]


 
  [ ver mensagens anteriores ]  
 
 



Meu perfil
BRASIL, Sudeste, SAO PAULO, Homem, de 26 a 35 anos, Portuguese, English, Coleções e miniaturas, Política


HISTÓRICO
 08/07/2007 a 14/07/2007
 24/06/2007 a 30/06/2007
 17/06/2007 a 23/06/2007
 10/06/2007 a 16/06/2007
 03/06/2007 a 09/06/2007
 27/05/2007 a 02/06/2007
 20/05/2007 a 26/05/2007
 13/05/2007 a 19/05/2007
 15/04/2007 a 21/04/2007
 08/04/2007 a 14/04/2007
 01/04/2007 a 07/04/2007
 25/03/2007 a 31/03/2007
 18/03/2007 a 24/03/2007
 11/03/2007 a 17/03/2007
 04/03/2007 a 10/03/2007
 25/02/2007 a 03/03/2007
 18/02/2007 a 24/02/2007
 11/02/2007 a 17/02/2007
 04/02/2007 a 10/02/2007
 28/01/2007 a 03/02/2007
 21/01/2007 a 27/01/2007
 14/01/2007 a 20/01/2007
 07/01/2007 a 13/01/2007
 31/12/2006 a 06/01/2007
 17/12/2006 a 23/12/2006
 10/12/2006 a 16/12/2006
 03/12/2006 a 09/12/2006
 26/11/2006 a 02/12/2006
 19/11/2006 a 25/11/2006
 12/11/2006 a 18/11/2006
 05/11/2006 a 11/11/2006
 22/10/2006 a 28/10/2006
 24/09/2006 a 30/09/2006
 17/09/2006 a 23/09/2006
 10/09/2006 a 16/09/2006
 03/09/2006 a 09/09/2006
 20/08/2006 a 26/08/2006
 13/08/2006 a 19/08/2006
 30/07/2006 a 05/08/2006
 16/07/2006 a 22/07/2006
 09/07/2006 a 15/07/2006
 02/07/2006 a 08/07/2006
 25/06/2006 a 01/07/2006
 18/06/2006 a 24/06/2006
 11/06/2006 a 17/06/2006
 04/06/2006 a 10/06/2006
 28/05/2006 a 03/06/2006
 21/05/2006 a 27/05/2006
 14/05/2006 a 20/05/2006
 07/05/2006 a 13/05/2006
 30/04/2006 a 06/05/2006
 19/03/2006 a 25/03/2006
 12/03/2006 a 18/03/2006
 26/02/2006 a 04/03/2006
 12/02/2006 a 18/02/2006
 22/01/2006 a 28/01/2006
 15/01/2006 a 21/01/2006
 08/01/2006 a 14/01/2006
 01/01/2006 a 07/01/2006
 25/12/2005 a 31/12/2005
 18/12/2005 a 24/12/2005
 11/12/2005 a 17/12/2005
 04/12/2005 a 10/12/2005
 27/11/2005 a 03/12/2005
 20/11/2005 a 26/11/2005
 13/11/2005 a 19/11/2005
 06/11/2005 a 12/11/2005
 30/10/2005 a 05/11/2005
 16/10/2005 a 22/10/2005



OUTROS SITES
 Associação dos Cervejeiros Artesanais Cariocas - AcervaCarioca
 Associação de Incentivo à Cultura de Cervejas Artesanais e Especiais - AICCA
 Botto Bier
 Cerveja Fraga
 Bytes and Beer
 Cerveja Só
 Dana Bier
 Edu Passarelli Recomenda
 Hummmm, Cerveja!!!!!
 Obiercevando
 Olavo Pascucci (atenção: linguagem assaz obscena)